Rosemary Arruda

Tão profundo quanto meu próprio eu!

Textos

DIA DE REIS!
O Dia de Reis, segundo a tradição cristã, seria aquele em que Jesus Cristo recém-nascido recebera a visita de "alguns magos do oriente" (Mateus 2,1) que ocorrera no dia 6 de janeiro. A noite do dia 5 de janeiro e madrugada do dia 6 é conhecida como "Noite de Reis". A Festa dos Santos Reis tem como tema central a certeza da universalidade do evangelho. A Boa Nova que Jesus anuncia é para todos, sem exceção.

Para os cristãos, com a festa dos Reis encerram-se as comemorações natalinas. A festa marca o fim do tempo do Natal e o início de um novo tempo litúrgico, uma solenidade cheia de significados, também chamado epifania que é a manifestação de Deus, lembrando que Jesus Cristo nasceu no silêncio da noite e foi revelado apenas a alguns pastores, como é narrado na sagrada escritura, e os anjos, a corte celeste que ali glorificaram a Deus.

Os Magos vêm dos três continentes conhecidos no tempo: Belchior da Europa, Baltazar da África e Gaspar da Ásia. Eles representam as três idades da vida: um jovem, um homem maduro e um velho de longas barbas. Dirige-se a toda a humanidade: um branco, um negro e um oriental. Trazem como presente os símbolos da humanidade de Jesus:

Mirra: representa a sua humanidade, Baltazar levou-a da África, era o presente dado aos profetas, trata-se um de arbusto nativo do continente que dentre outras coisas possui uma resina que permite o preparo de medicamentos.  

Incenso: De origem indiana, presente do Rei Gaspar que partiu da Ásia, levando incenso para proteger o Messias. Sua utilidade é espantar insetos com o aroma espalhado pelo ar, fazendo também do objeto uma reprodução da fé como uma referência a sua divindade. Para os indianos os incensos representam a espiritualidade e uma forma material de manifestar a sua fé. Outro ponto interessante é que há milhões de anos a Índia tem nos incensos queimando uma forma de espantar os insetos e energias que tragam algo negativo.

Ouro: O presente de Melchior ou Belchior foi a sua realeza no ouro, como um reconhecimento da divindade de Jesus, uma vez que o metal nobre era apenas oferecido para os deuses. O ouro também traz em si a carga de significado de nobreza.

O Dia de Reis foi criado para lembrar a data em que os três Reis Magos entregaram presentes ao Menino Jesus. É uma festa da Igreja Católica Apostólica Romana, realizada entre os dias vinte e quatro de dezembro e 06 de janeiro, o dia da comemoração.

Trazida pelos portugueses na época da colonização do Brasil, a folia de reis é um movimento cultural onde os grupos saem caminhando a pé pelas ruas das cidades, para levar às pessoas as bênçãos do menino Jesus.

Os participantes saem a caráter, cada personagem possui roupas próprias, deixando a folia com um ar mais animado. Dentre os personagens que aparecem na festa temos: mestre, contramestre, músicos, tocadores, reis magos, palhaço e outras pessoas, donas de conhecimentos da data.

Na história do natal os reis magos foram guiados por uma estrela até chegarem ao local onde Maria estava com seu filho, na presença de José. O caminho percorrido foi longo, pois cada um estava em uma localidade, por isso demoraram cerca de doze dias para chegar a Belém.

Em agradecimento ao cortejo e às bênçãos recebidas, as donas das casas deixam vários tipos de alimentos prontos, para oferecer aos personagens do cortejo. Como estes saem pelas ruas das cidades, desde bem cedo, vão recebendo desde lanches, café da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar.

Com a folia, encerram-se as comemorações natalinas em todo o mundo, podendo então, desmanchar as árvores de natal e retirar todos os enfeites que representam a festa.

O importante é abençoar a todos com a festa!

Rosemary Arruda
Enviado por Rosemary Arruda em 06/08/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras