Rosemary Arruda

Tão profundo quanto meu próprio eu!

Textos

MARIA, MÃE DAS MÃES!
Maio é o mês que toca o coração das pessoas, afinal é o mês em que é celebrado o Dia das Mães e dentre elas a Virgem Maria, mãe de Deus e mãe de todas as mães.  Também é o mês mariano, que nos convida à reflexão das ações maternas de ternura, amor, afetividade e família, o mês consagrado a Nossa Senhora que desde o início da evangelização no Brasil teve uma grande influência na formação e na vivência cristã do nosso povo. A raiz de nossa cultura é cristã e mariana.  

Mãe, presença amorosa no lar, aquela que acolhe, cuida, educa, sofre, insiste, resiste, persiste, companheira e amiga. Há mães que assumem sua vocação materna com filhos biológicos, outras na adoção de outras crianças e há ainda as que abdicam da maternidade para viver uma vida consagrada, numa entrega total de sua vida a serviço das diversas crianças.

A devoção mariana tem origem na Europa, no hemisfério norte castigado pelo frio e pela neve num inverno intenso, e com a chegada da primavera no mês de maio, o clima faz a terra brotar surgindo folhagens verdes e flores, trazendo alegria e grande júbilo aos europeus que associam a figura de Maria como a Primavera de Deus e da Eucaristia.

No evangelho de Lucas Maria é chamada de bem aventurada, a escolhida de Deus para ser mãe de seu filho e no Evangelho de João como a mãe de Deus quando Jesus declara que “Eu e o pai somos um. Quem me conhece, conhece também o pai”. Maria é a mãe do filho de Deus, o Redentor. E para os cristãos a mãe da Igreja e de toda a humanidade. Maria nos aponta o Cristo, Jesus ressuscitado, o próprio Deus que se encarna na pessoa humana.

Mãe é descrita pelo seu amor incondicional, ternura, força e fé, aquela que suporta as várias aflições da vida, por isso, ser mãe é uma dádiva de Deus. Maria é o maior exemplo de mãe na humanidade, é modelo de fé, de oração e de contemplação do mistério divino. Ela nos ensinou que a dedicação, confiança no Senhor e devoção são as chaves que nos tornam mães e seres humanos melhores.

Deus nos exorta no mês de maio, a dedicar nosso carinho e gratidão a Nossa Senhora e a todas as mulheres. Nesse mês, pela piedade cristã, somos convidados a olhar para nossa Mãe querida num gesto amoroso e que suas mãos maternas abençoem nossa caminhada na difícil escalada da vida em busca do Reino de Deus!
Rosemary Arruda
Enviado por Rosemary Arruda em 08/09/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras